Qual a natureza e origem das preferências alimentares das crianças?

little-girl-playing-veggies

Os profissionais de saúde e os pais parecem ter diferentes posicionamentos sobre as origens de preferências alimentares das crianças. Muitos profissionais consideram que a oferta de alimentos saudáveis em casa e ausência de junk food resultará em preferências e hábitos saudáveis, assim o ambiente alimentar em casa tem sido visto como uma influência fundamental. Em contraste, os pais acreditam que as preferências estão ligadas as características de cada criança e às vezes lutam para conseguir uma dieta saudável com uma criança que parece ter uma aversão inata aos vegetais. Os pais com mais de um filho, muitas vezes, notam o quão diferente as crianças são, apesar de um ambiente alimentar comum. Uma explicação para esta discrepância pode ser que influências ambientais e genéticas variam conforme o tipo de alimento. Para responder a esta questão, uma interessante pesquisa publicada na revista American Journal of Clinical Nutrition avaliou as contribuições genéticas e ambientais das preferências alimentares em mais de 2.600 crianças inglesas nascidas de parto gemelar. Foram avaliadas as preferências das crianças aos 3 anos de idade para 114 alimentos. Os alimentos questionados foram agrupados em proteicos (carnes e peixes), legumes, frutas, laticínios e ovos (iogurtes, queijos, leite e ovos), produtos fontes de amido (pães, massas, etc), e snacks “lanchinhos” (chocolates, salgadinhos, sorvetes, cookies, etc). Os resultados mostraram que a influência genética é mais pronunciada para as hortaliças, frutas e alimentos proteicos, e menos pronunciada para os produtos fontes de amido, snacks e laticínios. Em contraste, os efeitos do ambiente no domicílio, foram maiores para os snacks, produtos fontes de amido e laticínios e menor para hortaliças, frutas e carnes. Em resumo, os efeitos genéticos apresentam maior influência na aceitação de alimentos ricos em nutrientes (legumes, frutas e proteínas), enquanto o ambiente domiciliar exerce maior influência nas preferências por alimentos de maior densidade energética e pobres em nutrientes, como os snacks. Estudos semelhantes também verificaram que a genética direciona maior preferência por frutas e hortaliças e o ambiente domiciliar pode influenciar maior preferência por snacks e doces. É importante refletir que o estudo foi realizado com crianças de 3 anos e que antes da criança iniciar na escola, a maior parte das experiências com os alimentos ocorre dentro do ambiente familiar. No entanto, o padrão de influência pode mudar à medida que as crianças crescem e têm mais autonomia. Estudos mostram que as escolhas alimentares de seus pares, dentro do ambiente escolar, exercem forte influência nas preferências alimentares das crianças. Estes resultados aprovam a visão de que o ambiente doméstico é o principal determinante do gosto das crianças pequenas por alimentos altamente energéticos, implicados no ganho de peso excessivo, mas que também existe diferenças inatas nas preferências alimentares, porém esta herdabilidade não significa que intervenções ambientais na promoção da alimentação saudável são sem valor, pois vários estudos têm demonstrado que as preferências alimentares são modificáveis​​, especialmente na primeira infância. Os pais, como os principais arquitetos dos ambientes das crianças pequenas, podem beneficiar de orientação baseadas em evidências sobre a melhor forma de promover preferências alimentares saudáveis ​, com a exposição repetida e variação da oferta e forma de apresentação, principalmente de frutas e vegetais e ​​limitação da disponibilidade de produtos altamente energéticos em casa.

Fildes A, van Jaarsveld CHM, Llewellyn CH et al. (2014) Nature and nurture in children’s food preferences. Am J  Clin Nutr; doi: 10.3945/ajcn.113.077867

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em alimentação infantil, hábito alimentar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s