Castanhas grandes aliadas da saúde!

castanhas2

Em importante pesquisa publicada recentemente um grupo de pesquisadores americanos e italianos reuniu os melhores estudos que avaliaram os benefícios do consumo de castanhas sobre todas as causas de mortalidade por doenças cardiovasculares e câncer. As castanhas (nozes, amêndoas, avelãs e amendoins) são um tipo específico de fruta que tem casca dura e sementes secas, sendo estas, ricas em vitaminas, compostos fenólicos (antioxidantes), fibras, minerais e ácidos graxos insaturados (ômega 3). Por causa dessa riqueza de nutrientes, os benefícios do consumo de castanhas já foram documentados com relação a prevenção das doenças do coração e alguns tipos de câncer.

Acredita-se que as quantidades de antioxidantes naturalmente presentes na castanha, seja responsável por diminuir o colesterol LDL, melhorar a membrana que reveste as veias, artérias e capilares, diminuir a gordura visceral e melhorar a hiperglicemia e a resistência à insulina. Além disso, o conjunto desses nutrientes ajuda a regular a multiplicação das células, proteger o DNA e fortalecer as funções do sistema imunológico.

Para comprovar a hipótese dos benefícios do consumo de castanhas e mortalidade por doenças do coração e câncer, os autores fizeram uma seleção criteriosa dos melhores e bem conduzidos estudos já existentes na literatura sobre o assunto. A maioria dos estudos examinados incluiu pessoas de 40 a 70 anos de idade, resultando um total de aproximadamente 350 mil indivíduos avaliados.

Os principais achados encontrados foram que o consumo de 1 porção de castanha (aproximadamente 30 g) por semana e por dia, diminuiu em 4% e 27% os riscos de morte por todas as causas, respectivamente; além disso, diminuiu o risco de mortalidade por doença cardiovascular e por câncer.

Os autores destacam que a interpretação desses achados deve levar em consideração outros fatores que poderiam interferir nos resultados. Esses fatores não foram avaliados na presente pesquisa. Por exemplo, com relação ao estilo de vida dos participantes, ou seja, não ficou claro se os efeitos de proteção do consumo das castanhas sobre as doenças em questão, ocorreram por causa do consumo de castanhas propriamente dito, ou pelo conjunto de preferências dos indivíduos por alimentos saudáveis. O consumo de castanhas pode refletir um estilo de vida mais saudável e isso poderia levar a diminuição dos riscos de doenças. Outros aspectos que devem ser considerados dizem respeito a duração do consumo no tempo e também o tipo específico de castanha consumida. Além disso, vários grupos de pessoas compuseram a amostra do estudo, como profissionais da saúde, estudantes ou indivíduos que já apresentavam fatores de riscos para doenças do coração, com características diferentes da população em geral. Por isso, esses achados não devem ser generalizados.

Fonte: Grosso F, Yang J, Marventano S, Micek A, Galvano F, Kales S. Nut consumption on all-cause, cardiovascular, and câncer mortality risk: a systematic review and meta-analysis of epidemiologic studies. Am J Clin Nutr, 2015;101:783-93.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em alimentos e saúde, saúde

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s