A verdade sobre os sucos “100% suco”e “sem adição de açúcar”!

suco suvalan yakult e dell vale2

Atualmente, cada vez mais as pessoas estão preocupadas com a qualidade e a composição do que se come, pois estamos convencidos que “o que comemos tem relação direta com a nossa saúde e com o surgimento de doenças”. Porém, até os olhares mais atentos podem ser “fisgados”, pelos malabarismos do marketing de alimentos.  E é disto que trataremos neste post.

Quando vocês se depararem com um suco de caixinha que informa “100% suco” e acrescentam a frase “sem adição de açúcar”, e, este produto contiver suco concentrado de fruta, fiquem atentos!

Vamos esclarecer aqui o que isto realmente significa na linha de produção industrial e a real intenção do marketing de alimentos, para não sermos “ingenuamente” enganados.

Estes tipos de “suco” vêm iludindo a grande maioria das pessoas, e até mesmo muitos profissionais de saúde, basta fazer uma busca na internet e você encontrará muitos profissionais recomendando estes sucos como uma “opção saudável”.

Os dizeres na embalagem e até mesmo a descrição dos ingredientes no rótulo, faz você acreditar que este tipo de bebida é realmente “saudável”, afinal passa-nos a ideia que só contém fruta (100%) e, assim, deduzimos, consequentemente, que apresenta o mesmo valor nutricional de um suco de frutas (caseiro). Esta estratégia de marketing nos leva a deduzir que nada foi acrescentado e nada foi retirado, não é mesmo?

Mas, vamos refletir, com atenção, o que diz a lista de ingredientes…

Vou usar como exemplo, sucos atualmente muito divulgados e comercializados, com o apelo de saudável “sem adição de açúcares”, “100% suco”, como os da marca Suvalan e o de Maçã da Yakult, que são, consumidos, principalmente, pelo público infantil, pois vem em embalagens individuais de 200 mL. Mas existem outros também como o novo lançamento da Dell Vale “100% Suco”.

Suco Maçã –marca Yakult –   Ingredientes: Suco de maçã concentrado, água e aroma natural de maçã.

suco maça yakult

Suco de maçã – marca Suvalan –  Ingredientes: Água, suco concentrado de maçã, acidulante ácido cítrico, antioxidante ácido ascórbico e aroma natural de maçã.

suvalan maçã

Observe as figuras acima, referente as embalagens dos sucos de maçãs das marcas Yakult e Suvalan.

Se estes sucos fossem realmente “só fruta”, deveria vir escrito entre os ingredientes, apenas a palavra “maçãs”, em vez de:  “Água, suco concentrado de maçã, acidulante ácido cítrico, antioxidante ácido ascórbico e aroma natural de maçã”. Ops!!! Aroma natural de maçã, por quê???? Água em primeiro lugar, e mesmo assim é bem docinho??? Ácido ascórbico (vitamina C), por quê???

Se você fizer um suco natural de maçã em casa e adicionar mais água do que maçã (afinal o primeiro ingrediente do rótulo é aquele que está em maior quantidade no produto), ele não ficará “tããããoo docinho” quanto aquele suco de caixinha que você comprou no supermercado, não é mesmo? Ah, e ele ainda terá fibras, mesmo que você coe ficará um pouco, e um montão de nutrientes, afinal sua peneira domestica não é uma super máquina de microfiltração industrial!

Já nos sucos industrializados mostrados acima, não fica nada de fibra! Observem o rótulo “0.00 g (zero) de fibra!!! Outra coisa, você não sentirá a necessidade de adicionar nenhum aromatizante, correto?

Utilizamos no exemplo os produtos no sabor maçã, mas a empresa oferece diversos outros sabores (uva, uva branca, abacaxi, pêssego e maçã, acerola e maçã, mix de maçã, laranja e manga) e existem diversas outras marcas que também utilizam de suco concentrado, fiquem atentos!!!

Outro nome que você pode encontrar é suco reconstituído, que nada mais é do que suco concentrado adicionado de água, ok? A Dell Valle está lançando sucos neste seguimento “100% suco”, com uma isca ainda mais especial para atrair o consumidor, que é a adição de fibra! Já que o processamento retira tudo então ela adiciona! Não se engane, a fibra aí não poderá fazer milagres!

Ah! Os sucos concentrados também estão presentes nos sucos tipo néctar, pois a legislação permite!!! Ou seja, a legislação (3) estabelece que o néctar deva conter um mínimo de 30% de polpa/SUCO e aí ACEITA a utilização deste suco concentrado!!! Ou seja, “fruta de verdade” “zero”. E a indústria adiciona mais açúcar ainda!!!

A legislação (3) não estabelece nenhum parâmetro para a preservação do valor nutricional da fruta no suco concentrado, e em nenhum outro tipo de suco! A única especificação diz respeito a conservação dos teores de “sólidos solúveis” originais do suco integral (que já é processado). Entenda que sólidos solúveis são, principalmente, os açúcares.

 Vamos aos fatos para desvendar as etapas do processamento do suco concentrado!

O processo de extração do suco concentrado de frutas, utilizado na composição destes sucos vendidos como “100% suco” “sem adição de açúcares”, envolve uma série de processamentos, sendo classificado como ultraprocessado!

Ultraprocessado é todo produto alimentar, produzido pela indústria, que passa por tantas etapas de processamentos que perdem algumas características básicas. No caso destes sucos, perdem-se muitos nutrientes importantes e também o aroma natural das frutas, e, é por isto, que o rótulo destes sucos “100% suco”, expressam de maneira “descarada” a informação que contém aromatizantes e zero de fibras!

“Como o marketing sabe nos iludir”, não é mesmo?

Uma verdadeira falta de respeito e compromisso com o consumidor! Afinal quantos consumidores terão acesso a este tipo de informação e estarão tão atentos para desvendar estas artimanhas da indústria?  Confesso a vocês que até pouco tempo atrás, nós também não tínhamos nos atentados ao processo de produção do suco concentrado!

Estes sucos também possuem significativamente menos vitaminas e minerais, porém preservam e concentram todo o açúcar proveniente da fruta! E a indústria pode ficar tranquila, porque as vitaminas e minerais não precisam ser informadas nos rótulos dos sucos, pois a nossa legislação não exige!

Estes sucos concentrados em açúcar, “próprio da fruta”!, é claro!, são alternativas muito usadas pela indústria para adoçar bebidas e outros tipos de alimentos, como geleias, barras de cereais ou papinhas infantis (fiquem atentos ao rótulo!), e assim não chamar a atenção do consumidor para a palavra “açúcar” entre os ingredientes. Porém, tanto os açúcares obtidos a partir da cana quanto os açúcares obtidos da fruta terão efeitos negativos à nossa saúde, quando consumidos em excesso. E, nestas condições, estas bebidas que “descaracterizaram totalmente a fruta de verdade”, sem nenhuma fibra e com quantidades insignificantes de nutrientes importantes, terão o mesmo potencial do açúcar comum de elevar a nossa glicemia (açúcar no sangue).

Citaremos, de forma geral, algumas etapas do processamento do suco concentrado, e, assim, você irá perceber claramente como é praticamente impossível preservar o valor nutricional da fruta in natura:

  1. A fruta é espremida por maquinários extremamente precisos e ajustados para extrair ao máximo a parcela aquosa do fruto e não deixar passar a parte sólida (rica em nutrientes), aqui já foi retirada toda a casca da fruta, parte da polpa e bagaço, o que remove boa parte das fibras e vitaminas.
  2. Depois, o liquido resultante é “refinado”, uma espécie de “super filtração” para retirar toda e qualquer partícula sólida, desta forma a parte insolúvel que ainda sobrou, como partes da casca, bagaço e boa parte da polpa, ricos em fibras, compostos aromáticos e muitos nutrientes, são retirados. Este processo é conhecido como “ajuste fino”, em geral, ficam menos de 15% da polpa no suco obtido nesta etapa. A remoção da polpa das frutas é importante no sistema industrial, para remover o material fibroso e sólidos (pectina e celulose) que pode prejudicar a qualidade do produto. Algumas empresas de processamento de suco chegam a se vangloriar de que este é um “processo moderníssimo de ultrafiltração com filtros de membranas e cerâmica, super eficientes”! Quanto menor a quantidade de polpa de fruta presente na bebida, menor o seu valor nutricional! A literatura, apesar de escassa, mostra consideráveis perdas de nutrientes neste processo (1). O pouco que fica não é significativo do ponto de vista nutricional, como é o caso do resveratrol nestes sucos de uva, pois a maior quantidade fica contida na casca (5,6), que é totalmente desprezada no processamento do suco concentrado.
  3. No processo de clarificação o liquido será centrifugado, e assim irá reduzir ainda mais a quantidade de polpa final do suco, alguns chegam a conter menos de 5% de polpa após este processo.
  4. O líquido sofre ainda a evaporação da água, pela elevação da temperatura e pressão (vácuo), e ainda o “ajuste da doçura”, por meio de várias misturas, o famoso “grau brix”. A maioria dos sucos de maçã, por exemplo, são comercializados com 70 graus brix para serem reconstituídos (onde será adicionado água), os de laranja com 66 graus brix. Importante esclarecer que 1 grau brix significa, basicamente, que o produto contém 1g de açúcar por 100g de solução, portanto 70 graus brix equivalem a 70g de açúcares em 100mL de solução. Uau!!!! Solução super doce!!! E agora fica claro porquê, no rótulo exposto anteriormente, a água está entre os primeiros ingredientes, pois ela é necessária para diluir este “suco concentradíssimo  em açúcares” e, assim, finalizar o produto pronto para o consumo. A adição de água é necessária para atingir a quantidade de açúcares totais expressos pela legislação (INSTRUÇÃO NORMATIVA nº 01, de 07/jan/2000), sendo que para o suco de maça é estabelecido um máximo de 13,5g de açúcares próprios da fruta em 100mL de suco.
  5. Para garantir a segurança microbiológica este suco sofrerá um tratamento térmico, a fim de inibir ou minimizar as transformações enzimáticas e reduzir a carga microbiana que deterioram o produto. Neste processo, se ainda restavam nutrientes e aromas significativos, eles acabam sendo efetivamente perdidos! Ah, um detalhe importante, o açúcar natural da fruta permanece praticamente intacto, e muito mais “concentrado”, pronto para preparar estas bebidas, com rótulo “100% suco”, “sem adição de açúcares”, ou qualquer outro produto que a indústria queira utilizar o apelo de “saudável”. Isto pode ser compreendido, puramente, como a substituição do açúcar da cana por açúcar proveniente de frutas, não significando que seja consideravelmente mais saudável, pois afinal o que torna uma fruta saudável é o equilíbrio natural de seus componentes (água, vitaminas, minerais, fibras, frutose, etc), nutrientes não preservados neste tipo de suco, pois considerável parcela destes componentes importantes, infelizmente, já foram retirados!
  6. Devido à perda de aromas, provocada pelo ultraprocessamento, a indústria é obrigada a adicionar o “aroma da fruta natural” para melhorar a aceitação desta bebida. Algumas adicionam ácido ascórbico (vitamina C), para iludir mais ainda o consumidor, pois a indústria sabe que o nutriente mais observado pelas pessoas em sucos de frutas é a vitamina C, e o processamento do suco concentrado elimina toda esta vitamina. Agora podemos entender porque um suco “100%”, precisou ser adicionado de ácido ascórbico.

Em resumo, o suco concentrado obtido é conhecido na indústria de alimentos, como um suco “básico”, praticamente “puro açúcar”, desprovido quase por completo de fibras, de sabores e aromas ou quaisquer outros atributos que associamos as “frutas de verdade”. Ele foi praticamente reduzido a outro tipo de açúcar, sem qualquer vantagem nutricional em relação ao açúcar proveniente da cana! O valor fica apenas na imagem saudável que ele preserva da fruta!

Diante de tudo que foi esclarecido, concluímos que o processo de fabricação de suco concentrado é “concentradamente desgastante e insalubre em termos nutricionais” não é mesmo?

Não seria mais inteligente, prático, natural e confiável, simplesmente, acostumarmos as crianças, desde de pequenas, e a nós mesmos, a consumir frutas in natura, do que ficarmos reféns das diversas artimanhas da indústria?

Preparar o nosso próprio alimento ou consumir alimentos de forma menos processada possível, é a única maneira de termos garantia de que estamos recebendo realmente os nutrientes contidos nos “alimentos de verdade”, com um mínimo de perdas possíveis!

As frutas são excelentes antioxidantes naturais, ricos em vitaminas e fibras, importantes para nossa saúde, porém beber um copo de suco concentrado não vai ajudar a impulsionar o seu sistema imune, como um suco feito em casa, ou melhor, uma “fruta de verdade”!

Compartilhe esta informação com seus amigos, as pessoas precisam saber o que estão de fato comprando e consumindo!

Se você localizar outras marcas, além da Suvalan, Yakult e Del Valle, que utilizam suco concentrado e/ou reconstituído e ainda possuem o descaramento de dizer “sem açúcar”, escreva para gente comentando abaixo deste post.

Algumas das referências consultadas:

  • SILVA, Thadia Turon et al . Suco de maracujá orgânico processado por microfiltração. agropec. bras.,  Brasília ,  v. 40, n. 4, p. 419-422, Apr.  2005 .
  • CHERYAN, M. Ultrafiltration and microfiltration handbook. Lancaster: Technomic Publishing Company, 1998. 527p.
  • DECRETO Nº 6.871, DE 4 DE JUNHO DE 2009.  Regulamenta a Lei no 8.918, de 14 de julho de 1994, que dispõe sobre a padronização, a classificação, o registro, a inspeção, a produção e a fiscalização de bebidas.
  • SAUTTER, Cláudia K. et al . Determinação de resveratrol em sucos de uva no Brasil.Ciênc. Tecnol. Aliment.,  Campinas ,  v. 25, n. 3, p. 437-442, set.  2005 .
  • JEANDET, P.; BESSIS, R.; gautheron, b. The production of resveratrol (3,5,4′-trihydroxystilbene) by grape berries in different developmental stages. Am. J. Enol. Vit., v. 42, p. 41-46, 1991.
  • KALLITHRAKA, S.; ARVANITOYANNIS, I.; EL-ZAJOULI, A.; KEFALAS, P. The application of an improved method for trans-resveratrol to determine the origin of Greek red wines. Food Chem., v. 75, p. 355-363, 2001.
  • Ingrid V. M. Moraes. Dossiê Técnico- Produção de Polpa de Fruta Congelada e Suco de Frutas. Rede de Tecnologia do Rio de Janeiro- REDETEC, 2006.
Anúncios

72 Comentários

Arquivado em sucos, ultraprocessados

72 Respostas para “A verdade sobre os sucos “100% suco”e “sem adição de açúcar”!

  1. Débora

    Poxa, Q triste! Eu sou uma que pensava que esses sucos fossem mais saudáveis, e inclusive os recomendava…tem outra marca que eu tb costumava comprar, da Green Day (rede Walmart). Mas fica a pergunta: em quantidades moderadas (1 copo por dia), posso dizer que esses sucos 100%suco sem adição de açúcar são menos prejudiciais do que os néctares, ou não?? Obrigada!

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Débora, entendemos a sua decepção, mas, pensando no teor de “açúcar” presente e nos nutrientes que ficam após o processamento, não dá para recomendarmos o consumo de um suco industrializado, pois nenhuma opção disponível pode ser considerada substituta de fruta. O suco integral é um exemplo de que não podemos nos enganar, o processamento dele retira toda fibra, natural da fruta, e, também, ocorrem perdas de nutrientes (apesar de serem menores que as ocorridas nos sucos concentrados e néctares). Cerca de 90% do total de carboidrato de um suco integral é “açúcar” (proveniente da fruta). Porém, é importante ficar claro que o consumo de um suco industrializado ou qualquer outro alimento industrializado só resultará em prejuízos a nossa saúde se consumirmos em excesso, ok?. A base de nossa alimentação deve ser composta por “alimentos de verdade”, e não industrializados. A Sociedade Brasileia de Pediatria recomenda não oferecer mais que 100mL/dia de ‘sucos naturais” para crianças de 6 meses a 1 ano, <150mL/dia de "sucos naturais" para crianças de 2 a 3 anos, e <240mL/dia para crianças de 7 a 10 anos, sendo assim, o que dizer então dos sucos industrializados, não é? O melhor é reduzir a frequência e a quantidade. Abraços.

  2. Vivian

    Qual suco vcs recomendam? Sempre faço em casa, mas quando vamos sair, levo de caixinha. Usava o yakut de maçã… Qual “menos pior”?

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Vivian, o melhor é levar a fruta in natura, existem várias frutas muito práticas que podemos levar quando vamos sair. E para hidratar o melhor é água. Quando optar por suco, prefira o feito em casa, de preferencia sem coar, para que as fibras permaneçam. Mesmo que ele possa perder um pouco da vitamina C, os outros nutrientes estarão lá.

  3. caroline

    Queria saber se aqueles sucos de uva integral que vendem nos mercados são ruins tb.

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Caroline, o processamento do suco integral também retira toda fibra natural da fruta e ocorrem perdas de nutrientes, porém, em menor quantidade do que no suco concentrado. Cerca de 90% do total de carboidrato de um suco integral é açúcar (proveniente da fruta). Portanto, não deve ser consumido em quantidades excessiva. Nenhum suco industrializado substitui um suco feito em casa, ou melhor, a fruta in natura.

  4. Ana Luisa de Oliveira Ribeiro

    Existe algum suco industrializado que realmente não tenha açúcar, em embalagem pequena, como essas??

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Ana, todos possuem “açúcar”, seja este açúcar próprio da fruta ou adicionado. A diferença é que em néctar e refrescos, o açúcar presente é resultante de um pouco de açúcar próprio da fruta e a maior parte de açúcar adicionado pela industria “sacarose”; já nos sucos concentrados o açúcar é todo proveniente da fruta, o que não implica vantagem nutricional. Nenhum suco industrializado substitui uma fruta in natura.

  5. Melina

    Boa tarde! Sou mãe de dois filhos e evito ao máximo o consumo de sucos e alimentos industrializados. Procuro mandar de lanche água + fruta. Entretanto confesso que fiquei em dúvida em relação aos sucos prensados a frio da linha Natural One. Eles são práticos e acabo me rendendo à essa praticidade… O que dizer destes sucos, são realmente uma outra categoria, mas perto dos “sucosfeito em casa”? Obrigada!

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Melina, os sucos da empresa Natural One, apesar de informar no site, que eles mantêm todos os benefícios de um suco feito em casa, isto não é verdadeiro, você pode notar no rótulo que eles não possuem fibras, devido ao processamento. Provavelmente, ocorra menor perda de vitaminas termosensíveis (como a vitamina C), pois utilizam prensagem a frio, no entanto estudos mostram perdas gradativas da vitamina C em sucos industrializados durante o prazo de validade, não tem milagres. A Escola de Saúde Pública de Harvard orienta que deveríamos evitar sucos com alto teor de açúcares (>12g/350ml ou >6g/175mL), pois muitos estudos vem alertando para os efeitos negativos a saúde (obesidade e diabetes tipo 2), e isto inclui tanto os açúcares de adição quanto o proveniente da própria fruta. O rótulo do suco de maçã (por exemplo) da Natural One informa que ele possui ~18g de açúcar em 175mL (esclareço que praticamente todo o carboidrato informado em sucos é açúcar), ou seja muito!. Caso queria se aprofundar nesta questão que comento das bebidas açucaradas e sucos acesse o site: http://www.hsph.harvard.edu/nutritionsource/healthy-drinks/sugary-drinks/

  6. E os sucos integrais de laranja das marcas Do Bem, Taeq orgânico e Native orgânico? Usam esse concentrado também?

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Lia, todo processamento de sucos industrializados irá resultar em perdas de nutrientes e principalmente fibras. Os sucos da marca DO BEM são integrais e os Néctar da Native orgânicos, possuem menos fruta e mais açúcar ainda, mesmo sendo orgânico não é uma boa opção. Os sucos integrais, apresentam menor perda de nutrientes que os concentrados ou “nectares”, porém, em geral, não possuem fibras naturalmente presentes, devido a perda no processamento. Não recomendamos o consumo de nenhum tipo de suco industrializado, pensando na questão saúde. Quanto ao aspecto “da conveniência” se o consumidor optar por consumir, orientanmos que faça com moderação e sem ilusões quanto ao aspecto nutricional. O melhor sempre será uma ‘fruta de verdade”.

  7. Caroline

    E a água de coco? E a marca do Bem?

    • Instituto Nutrição ComCiência

      A água de coco industrializada possui uma durabilidade muito maior que qualquer água de coco in natura, não é mesmo? Para a industria conservar esta água por tanto tempo, não tem milagres, ela precisará submeter este produto a uma séria de processamento, filtragem, pasteurização, padronização, entre outros, com consequente perda de nutrientes naturais. Como o processamento afeta a caracteristica sensorial do produto, é necessário uma “padronização”, onde se adiciona frutose, para homogeneizar o sabor da água de coco. De acordo com a legislação todas as águas de coco comercializadas devem possuir sólidos solúveis (em ºBrix a 20ºC) com o máximo de 7,0. Alguns processos de industrialização e envase, não utilizam o acrescimo do metabissulfito de sódio, benzoato de sódio, conservantes comuns nas aguas de coco industrializadas, como é o caso da marca “Do Bem”. Porem, isto não significa que ela é nutricionalmente semelhante a água de coco in natura não processada, pois a água de coco natural, não processada possui fibras (~2g/200mL) a industrializada não possui fibras, porém contém cerca de 11 gramas de carboidratos em 200mL (leia-se “açúcares”). Portanto, a recomendação é quando optar pela água de coco industrializada, devido a “conveniência”, faça com moderação e consciente de que não possui a mesma qualidade nutricional da água de coco não processada. A melhor embalagem para a água do coco é o próprio coco!. Abraços

  8. Cida

    Muito esclarecedor esse post! Cheguei aqui através de uma busca sobre o porque de adição de suco de maça nos sucos(néctar) de caixinha. Tem haver com o grau Brix? Porque na embalagem diz que foi adicionado suco de maça para reduzir a adição de açúcar(de cana né :(, porque o doce continua lá ao paladar e no valor calórico e de carboidratos, e se liguei bem os pontos pelo que li aqui, um suco de maça com 70 grau Brix é puro melado…)
    O pior é que a informação que a bebida agora é mista, esta bem escondida…

    E me esclareçam uma coisa, aqueles sucos de garrafa, como os tradicionais de caju que você tem que adicionar, água e açúcar? O que falar deles? O suco ali é totalmente sem açúcar quando se leva o paladar, pelo menos o de caju. E a polpa também é visível quando ele se separa em duas fases, sendo preciso sempre agitar antes do preparo.

    Vocês podiam fazer um post também sobre a invasão das bebidas lácteas em detrimento dos iogurtes. Ah como isso me mata de raiva! Achar iogurte verdadeiro está difícil! E quando acha, tá cheio de aditivos.

    Gostei da postagem e irei recomendar o blog a amigos com emails dedicados, pois vocês merecem! Informação como essa, sem patrocínio da industria e com fontes vale ouro e merece respeito!

    Atenciosamente,

    Cida

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Obrigada Cida, é muito gratificante poder contribuir para que os consumidores possam fazer escolhas mais conscientes. Com relaçao ao suco concentrado de caju, ele não é tão doce, pois pela legislação seu grau brix é menor. Obrigada pela sugestão de post das bebidas lacteas, iremos pesquisar e em breve publicaremos.

  9. Cida

    Uma coisa me intrigou agora. E os sucos adoçados com adoçante? De acordo com a legislação, não se pode misturar açúcar e adoçante na mesma bebida, ou um ou outro. Então de onde vem os carboidratos dessas bebidas com adoçante artificial, sendo que o processo industrial de preparo elimina praticamente tudo ?

    Obrigado!
    Cida

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Cida, nos sucos tipo “néctar” light, são adoçados com adoçantes, os carboidratos presentes nestes sucos são basicamente os açúcares presentes na pequena parcela de suco concentrado utilizado para preparar a bebida. Como comentado no post o processamento retira boa parte das vitaminas e toda fibra da fruta, mas não elimina os açucares presentes (que são carboidratos). Abraços

  10. Daniella

    Gostaria de saber pq não é sempre que posso fazer o natural então recorro ao suco de caixinha ,uma pergunta ele é tão prejudicial qnt o refrigerante ou é “menos pior “?

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Daniella, difícil estabelecer o que é “menos pior”, pois as duas bebidas não são boas indicações, mas o refrigerante é simplesmente um “produto químico”, produzido pela industria, não podemos classificá-lo como alimento. Quanto ao suco, quando consumir faça com moderação. Abraços

  11. Boa Tarde!
    Fiquei curiosa quanto às polpas de frutas congeladas?
    Tem algum teor nutritivo ou no processo de congelamento perde-se completamente?
    Grata, Renata.

  12. Gilberto Albuquerque

    Eu tomo diariamente o Suvalan uva principalmente pela questão dos antioxidantes atribuídos à uva (e também presente nos vinhos tintos). Até esses estão ausentes?

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Gilberto, estudos feitos com sucos processados mostraram que o teor de flavonoides (antioxidantes) que permanecem no suco de uva são insignificantes, pois os maiores teores estão na casca, que são descartadas no processo de fabricação. Abraços

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Gilberto, conforme comentado no post, os sucos industrializados em geral possuem pouquissímo Reverastrol (antioxidante), a maior fonte está na casca, que foi retirada no processamento. Os vinhos possuem quantidades mais significativas. Abraços

  13. Olá, Bom Dia!
    Fiquei curiosa para saber sobra as polpas de frutas congeladas. Elas teriam algum valor nutricional ou pelo processo de congelamento perdem totalmente? Essa seria uma opção saudável?
    Grata, Renata.

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Renata, o congelamento preserva o valor nutricional, porém as polpas são frutas sem casca, ou seja, perde-se a maior parte das fibras. Abraços

  14. Ja estava de olho nesses sucos, mas me surgiu a dúvida, os sucos do bem e native são recomendados ? Na lista de ingredientes apresenta só a fruta ( o native orgânica inclusive) e sem conservantes (só um do bem que aparece água e açúcar).
    Sei que não se compara ao suco in natura, mas nessa vida de trabalho e faculdade é inviavel parar e fazer o preparo de um em casa e essss foram os menos piores para consumo

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Estes sucos apesar de terem só frutas, o processamento acaba concentrando muito os açúcares naturais da frutas e excluindo as fibras, que ajudam a regular a glicemia. Por isto, nenhum órgão de saúde recomenda o consumo diário de sucos industrializados. O importante é que quando fizer, faça com moderação, não excedendo a um copo por dia. Abraços

  15. Antônio

    Faltou comentar também que as frutas já sofrem com pesticidas / agrotóxicos antes mesmo de serem processadas, o que aumenta ainda mais as características químicas do alimento.
    Muitos problemas de concentração e ansiedade encontrados em crianças e até mesmo adultos são resultado de dietas a base de açúcares e produtos químicos. Há estudos com indícios fortes relacionando alimentos industrializados com o baixo desempenho e desenvolvimento de crianças nas escolas. Mas estes estudos não são amplamente divulgados pois não agradam os interesses capitalistas das empresas produtoras de alimentos que procuram o lucro máximo e não o bem estar do cliente. Há ainda um conspiração em torno da cadeia de saúde onde empresas de medicamentos estariam se beneficiando de pessoas doentes através do ciclo de produtos ruins que fazem mal a saúde.
    É muito importante livrar as crianças do açúcar e quando for consumi-lo optar por produtos orgânicos de preferência produzidos na hora. Coisa tão simples de fazer um suco em casa de maçã ou laranja…
    A alteração das células do corpo se da especialmente por processos químicos naturais. O que é normal para o organismo. Porém quando a presença de elementos químicos sintetizados e absorvidos de fora do corpo humano estes produzem nos órgãos alterações irreversíveis, em outras palavras, o nascimento do próprio câncer.
    Cuidar o que se consome nunca foi tão importante quando se tem uma indústria tão grande e engajada ao lucro. O marketing de venda serve apenas para isso, vender. Mães estão dando veneno aos filhos diariamente confiando em que empresas de propagando dizem.

    A máxima “você é aquilo que consome” é o melhor aviso já dado.

  16. Tânia Aparecida Garcia

    Gratificante e esclarecedor, que todos possam encontrar fontes de informação para uma qualidade de vida melhor…
    Não se esquecendo que a informação para que tenha o efeito desejado não fique na teoria e sim tbm na prática de quem a lê…. Afinal ninguém faz milagres !!!!
    Obrigada !

  17. Adorei o post! Parabéns por trazer uma explicação tão rica de informações e ainda om referencial teórico que embasaram o texto. Tenho uma dúvida: isso também acontece com os sucos a base de soja (ADES)? Obrigada!

  18. Melina Araújo

    Olá, muito boa a matéria. Mas eu gostaria de saber daquelas polpas de frutas que são congeladas e que batemos com água no liquidificador, o que dizer delas??? No rótulo esta que são 100% naturais… São melhores que estes sucos que a reportagem abordou? Obrigada

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Melina, o melhor é a fruta in natura consumida com a casca, ao se tomar suco precisamos ter em mente que estamos perdendo boa parte das fibras presentes na fruta, portanto sucos devem ser consumidos com moderação. As polpas, não possuem açúcar de adição e não foram “concentradas”, portanto o teor de açúcar do suco de polpa dependerá de como for preparado.

  19. Bárbara

    Boa noite! E o suco da integral soul?

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá barbara, é a mesma coisa dos outros sucos integrais, observe que o suco de uva soul tem 19 gramas de carboidratos (açúcares da fruta concentrado) e nada de fibras.

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Vale a mesma explicação dos sucos integrais que comentamos no site. Observe nestes sucos que eles não possuem fibras, pois elas foram perdidas no processo de fabricação. Abraços

  20. Thayná Borba

    Oi, gostaria de saber sobre as polpas congeladas. Também são tão prejudiciais? Grata, Thayná

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Barbara, não é que seja prejudicial, a questão é que quando consumimos sucos industrializados ou mesmo sucos feitos com polpa, estamos deixando de consumir todos os nutrientes presentes nas frutas in natura, entre eles as fibras (presentes em maior quantidade nas cascas), a polpa não apresenta açúcares de adição e na maioria das vezes não são pasteurizadas ou concentradas, assim preservam um pouco mais do nutrientes das frutas, porém tem pouca fibra. O teor de açúcar dos sucos de polpa dependerá da forma de preparo. Abraços

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Thayná, polpa são frutas congeladas, assim não são prejudiciais, porém a maioria das polpas foram retiradas a casca, ou seja, ao se fazer suco de polpa saiba que perdeu-se a maior parte das fibras. Assim, o melhor é consumir a fruta. Abraços

  21. william horta

    Li seu texto e fiquei horrorizado mais uma vez. Por isso emos câncer e outras moléstias. Estamos ferrados, pela boca. É isso.

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Willian o melhor caminho é manter uma alimentação mais focada em alimentos de verdade, alimentos in natura e menos processados. A boa aliemntação é uma das formas de comportamento preventivo, porém as doenças como o cancer não são apenas decorrentes da alimentação inadequada ela tem componentes multifatorias. Abraços

  22. rafael

    Interessante, parece que o único jeito de tomar um suco “100%” é realmente fazendo em sua casa. Mas aí surge a dúvida, qual dos meios mais rápidos e fáceis de fazer sucos em casa mantem a maior porção dos valores nutricionais originais das frutas? O liquidificador, centrifugas de suco ou os slow juicer?
    Obrigado e continue com o bom trabalho no site!

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Exatamente Rafael o melhor é fazer em casa, se vc não coar, tanto faz o tipo de equipamento que você irá utilizar. Atualmente, lançaram um eletrodoméstico muito potente que consegue microlizar legumes e frutas, assim, para as pessoas que não gostam de consumir sucos com pedaços aparentes é uma boa opção, pois devido a sua alta potencia não existe a necessidade de coar, aproveitando folhas, talos e bagaços.

  23. Wakabayashi

    Cara, na verdade o suco de uva REPROCESSADO é o mais rico em Resveratrol, que por sinal é um poderoso anti-oxidante e com inúmeras propriedades benéficas. Ou seja, o suco de uva que contém uma das mais poderosas e incríveis substâncias da uva, pode ser encontrada em maiores quantidades nos reprocessados. O integral tem bem menos Resveratrol.

    Ademais, a melhor fonte de Resveratrol continua sendo o vinho tinto.

    http://www.scielo.br/pdf/cta/v25n3/27008.pdf

  24. César Honório Vilas Boas

    Parabéns!! Muito bom…

  25. Leandro

    Olha, estava procurando um motivo para deixar de beber sucos industrializados, confesso que a maioria dos sites aconselha, /ou o orgânico , ou concentrado. Valta e meia comprava o orgânico, mas sempre observei no rótulo algo suspeito. Enfim, cheguei a este site e me convenci de que esses sucos não valem nada mesmo!
    Da preguiça de fazer sucos in natura? Dá. Mas, observando os benefícios ao nosso organismo, não dá mesmo pra abrir mão de perder um pouquinho de tempo do nosso dia para preparar um delicioso suco feito da fruta! e feito em casa! Parabéns pela coragem do post. E pela franqueza. Grato.
    meus cumprimentos.
    Leandro Steves

  26. Grazzielli

    Por base de tudo que li,entendo que os sucos industrializados não são recomendáveis,mesmo que seja a ultima opção vcs não tem nenhuma recomendação de uma marca para que possamos comprar mesmo que seja usado o minimo possível?

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Oi Grazzielli, nenhum órgão de saúde recomenda o consumo diário de nenhum suco industrializado, as recomendações alimentares são feitas com base em alimentos, no caso dos sucos de frutas, o melhor para a saúde é consumir a fruta inteira. Porém, quando o consumidor optar pelo consumo de sucos o ideal é fazer com moderação, preferindo os naturais feitos em casa ou escolhendo opções com menor teor de açúcares.

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Grazzielli, não recomendamos marcas, as melhores preparações podem ser feitas na sua casa com frutas e vegetais, você pode bater frutas com vegetais (couve, cenoura, beterrrada, etc). Uma boa referencia na hora de comprar sucos industrializados é optar pelos menos processados e que possuem vegetais, atente ao rótulo e procure opções com menos de 6 gramas de carboidratos em 200mL.

  27. Gustavo

    Gostaria de saber sobre o suco Tanjal? E também sobre os sucos conentrados de Uva tipo o da marca Aurora.

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Gustavo, todos são sucos concentrados, assim vale a mesma explicação que postamos no site, são concentrados em açúcares naturais da fruta e isento de fibras.

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Gustavo para estes sucos que você comentou valem a mesma explicação apresentada no post do nosso site (“riscos em frutose e sem fibras”) “https://incciencia.com.br/?s=sucos”.

  28. Volney Junior

    Boa tarde. E os sucos integrais da marca Sanjo? Eles possuem uma variedade de sabores e todos como base o suco de maçã. Oferto ao meu filho este suco por acreditar que, sendo integral, é melhor do que consumir refrigerante, nectar e reconstituído. O que é melhor?

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Volney, o melhor é consumir a fruta in natura no lugar do suco. O melhor para hidratar a criança é água. Se optar por suco prefira os feito em casa sem coar e sem adição de açúcares. Todos estes sucos industrializados não possuem fibra naturalmente, pois foram retiradas. Quando optar por sucos prefira preparar frutas com vegetais.

  29. Jefferson

    Pois é, sempre soube que esses sucos não são tão naturais quanto dizem, basta dar uma olhada atrás da embalagem.
    Em todo caso, qual seria o melhor meio para fazer os sucos em casa? Digo, um custo x beneficio em função do tempo de preparo e a conservação dos nutrientes originais da fruta. Será que é melhor utilizar espremedor de frutas, liquidificador, centrífuga ou slow juicer?
    Obrigado pelo ótimo post!

    • Instituto Nutrição ComCiência

      O melhor ao fazer um suco é utilizar a fruta inteira com a casca e misturar com vegetais e não coar. Quanto ao equipamento irá depender do paladar de cada um, quem não tolera pedacinhos, irá optar por equipamentos que trituram ao máximo.

  30. Lourdes Estrela

    bom dia, o suco de maça da yakut, me indicaram que seria o melhor.iso é verdade?

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Lourdes, não é verdade. veja o nosso post sobre este assunto “https://incciencia.com.br/?s=sucos”. A melhor opção é consumir a fruta in natura, quando consumir suco, preferia os feito em casa e que misturam frutas com casca e vegetais, sem coar.

  31. Vladimir

    Olá, tenho dois filhos pequenos e eles gostam de tomar bastante suco. Já não mais tomamos os de caixinha. E em relação as polpas de fruta, elas tem conservantes?

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Vladimir as polpas não possuem conservantes. Porém, é mais saudável, gera mais saciedade e aproveita-se muito mais os nutrientes da fruta quando se consome inteira, do que na forma de sucos.

  32. Comprei o suco del valle ” 100% fruta” de laranja …PESSIMO GOSTO !!! Gosto de remédio. nunca mais. ALIAS sobre a a gua de coco da marca ” obrigado”..eh boa? senti um gosto melhor que as demais q existem no mercado…alguma declaração sobre este assunto? obrigada.

    • Instituto Nutrição ComCiência

      Olá Sabrina, as águas de coco sem conservantes e sem adição de sacarose ou frutose são as melhores. Esta marca que você citou é uma boa escolha.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s